O velório

Olá, Companheiras.

O final de semana foi daqueles. Só fui parar comigo mesmo agora. Se me permitem, vou contar um monte de coisas, mas fiquem a vontade para não ler.

Quinta a noite eu estava finalizando meu programa, a versão alfa. Sexta iria ter reunião com minha orientadora e estava meio nervosa com isso. Deu meia noite e eu decidi deixar o restinho para fazer na sexta de manhã, na faculdade. Minha reunião era a tarde.

Fui dormir relativamente cedo, era 12:10. Já estava moribunda porque todos os outros dias da semana eu já tinha dormindo entre 4 e 5 horas.

De repente meu celular toca. Eu zonza de sono penso: Será que coloquei o celular pra despertar no horário errado denovo!? Mas vi que não era alarme escrito, e sim lindinho.

Alô, lindinho! Você me ligando essas horas? (e penso: o que ele tá fazendo me ligando essas horas? eu, ainda grogue de sono)

Minha mãe faleceu!

Me deu uma batedeira! Uma coisa estranha. Meu coração disparou e eu fiquei sem saber o que dizer. Eu, tonta de sono, pega de surpresa! Talvez eu já estivesse assustada pelo telefonema...

Conversei direito com ele e combinei que não precisavamos ir para são pedro àquela hora. Iriamos pegar o busão das 7h, amanhã de manhã. A irmã dele que é de lá (e morava junto com minha sogra) cuidaria de tudo. Mas, antes de dormir perguntei que horas ele acordaria: 5h.

Coloquei o celular pras 5h. As 5:50 eu ligo pra ele e digo que combinei que meu pai e minha mãe iriam com a gente e que passaria na casa dele pegá-lo dentro de 10 minutos.

Só sei que era 7h da manhã e já estavamos em São Pedro. A irmã que cuidaria de tudo não tinha cuidado de nada, então meu pai (com seu carro que eu não tenho permissão de dirigir nem na minha cidade direito) nos levou até o hospital de Piracicaba. Lá, lá pelas 9h da manhã, encontramos a irmã do lindinho que vinha vindo de são paulo.

Resolveram tudo no hospital. Voltamos para São Pedro para esperar o corpo no velório. A viagem (de carro) de São Pedro até Piracicaba dá uns 40 minutos. A estradinha é terrível!

Deixei minha mãe e meu pai esperando o corpo no velório, vê se pode? hEheheheh E fui com o Lindinho pagar uma conta de luz vencida que se não fosse paga nesse dia, cortaria a luz lá da minha cunhada. Foi aí que parei na lan house e avisei vocês.

O velório começou lá pelas 12h, eu já estava verde de fome! Mas o lindinho sempre tão comilão não falou nada. Eu pensei, melhor fazer jejum! hehehehe Lá pelas tantas apareceu um pão com presunto e queijo que alguma tia do lindinho trouxe. Ai! Que maravilha de pão com presunto e queijo!

O velório seguiu até as 17:30. Quanta dor. Foi muita tristeza. Acho que eu nunca tinha participado assim tão perto de um velório. Sempre fui por obrigação e quase nunca conhecia direito o morto.

O velório lá de São pedro é no próprio cemitério, e é só uma sala. Do outro lado tinha uma mulher que havia morrido de infarto e não tinha conseguido chegar a tempo no hospital, apesar de ter sido atendida pela ambulância. Ela já tinha 84 anos, mas estava inteirona. Ela tinha uma filha que só faltou fazer aquela cena de amante em velório do homem. Se atirar em cima do caixão para não deixar que levassem a mãe dela embora. Que tristeza.

De resto tudo correu bem. Ou, como poderia correr. Foi tudo muito triste, mas é assim mesmo que é. Ela (minha sogra) vai fazer muita falta principalmente para a minha cunhada que morava com ela. Mas vai fazer falta também para os outros filhos. Mãe é mãe.

Voltamos pra casa e o Lindinho dormiu aqui de sexta pra sábado.

Sábado eu cuidei para ser um dia bem fútil. O lindinho dormiu aqui denovo.

Domingo voltamos pra São Pedro para passar o almoço com minha cunhada.

Eu não morria de amores pela minha sogra. Gostava muito dela, mas era só. Ela era uma mulher muito ativa e centralizava a família. Eu fiquei muito abalada com o acontecido. Senti muito a dor do Lindinho e a dor da mulher filha da infartada.

Bom, era isso. Meu final de semana foi agitadíssimo!

Obrigada a todas pelos comentários e por ainda virem aqui!

Comentários

  1. ;E, Meu, essas coisas pegam a gente de jeito. Fica tudo meio sinistro mesmo. E ver a dor dos outros, principalmente dos próximos é muito triste sim. Espero que familia do seu Lindinho consiga se reestruturar o mais breve possível e continue a vida. Bjs e força aí no programa também. Bjs, Zá.

    ResponderExcluir
  2. Olá é a primeira vez que eu venho aqui e gostei bastante,pena que eu vim num post meio triste né?
    Olha ate quando morre um artista eu fico meia assim assustada lidar com morte não é pra mim não embora seja a coisa mais normal do mundo!
    Bjs querida otima semana pra ti!

    ResponderExcluir
  3. Oi querida!

    Bom, que triste hein? É terrível ver a dor de quem a gente ama. Minha sogra e sogro ainda são vivos, mas "participei" di falecimento do avô do meu excelentíssimo, que era O cara pra ele. Triste.

    No mais, a gente tem mesmo é que tentar amparar no que for possível. E esses lembretes bem poderiam atualizar pelo Reader né? Pq como eu nw vim aqui antes de vc atualizar, nem fiquei sabendo,aff...


    Enfim, que tudo sossegue por aí.


    Bjs


    FUIZ...

    ResponderExcluir
  4. O pior já passou Gô!
    Agora vem o cair na realidade ... a vais ter de mimar o teu homem e até a cunhadinha!!!
    Beijos miga, vai levando nas calmas.

    ResponderExcluir
  5. Que chato, gordinha... Cuide bem do lindinho! Ele precisa de força nesse momento.

    beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Oi, Gô! Puxa, que fds... Espero que tudo se ajeite pro lindinho logo. A morte faz parte da vida, mas nunca estamos preparados pra isso, né? Fique bem! Bjos e boa semana! Cris (www.vidaboaevidasaudavel.zip.net)

    ResponderExcluir
  7. Gô, meus pêsames pra vc e pro seu lindinho. Espero que vc tenha muita força para ajudar ele a superar essa dor. Beijo, Neblis.

    ResponderExcluir
  8. Oi Gô! Poxa, tb passei por td isso no ano passado qdo a mãe do meu namorado faleceu. E vc estava aqui tão pertinho (moro em Piracicaba)! Quem sabe a gente não se conhece numa próxima vez (que não seja triste como essa!)?
    Um beijo!
    Flávia

    ResponderExcluir
  9. Seu findi foi mesmo do peru hein?! Mas, é isso aê... bola prá frente. Ainda bem que o ser humano não é solitário, quando uns partem, sempre ficam outros né?!
    De acordo com sua agenda, vc deve estar trabalhando agora.. e eu também deveria... mas to cum prigui... e tá muito frio!!!

    Um beijo... sucesso

    ResponderExcluir
  10. Sinto muito pelo acontecido.
    Conheci seu blog através da Flori no blog http://meta73kg.blogspot.com/.
    Sou profa de educação fisica, qualquer coisa pode ir no meu canto e deixar sua dúvida ou qq outra coisa.
    Vânia do Cuidando do corpo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Gô,

    Tou meio atrasada mas mesmo assim quero dar meus pesâmes.

    :(

    Beijos

    ResponderExcluir

Postar um comentário