6/01/2009

Comecando junho

Hoje era o dia em que eu deveria vir aqui anunciar que emagreci dois quilos, no intensivão de maio. Mas maio acabou sendo o mês mais estressante, deprimente e desesperante do primeiro semestre (que ainda não acabou, portanto, junho ainda pode ser pior).

Mas, sinto dizer que me perdi lá pela segunda semana.

Acho que o pior estresse é que eu tinha me determinado a terminar o mestrado no meu aniversário, 25 de junho. E isso é literalmente impossível na atual conjuntura da minha vida.

É triste, muito triste, principalmente porque além de *eu* já estar de saco mais do que cheio o e estourado, todo mundo torce para que eu termine logo essa merda. Minha mãe já até disse que vai soltar rojão. E o lindinho, por menos que ele fale, também tem planos para depois do meu mestrado terminado. Isso sem contar que preciso voltar oficialmente pro inglês e preciso tocar minha vida.

A coisa que mais aprendi nesse mestrado filhadamãe foi como superar o desânimo e a frustração.  E como não sucumbir ao suicídio! Nem que seja o suicídio filosófico de simplesmente pegar a mala e ir pro Caribe, deixando tudo pra traz (menos o lindinho, né!?)

Esse final de semana eu tive (denovo) muita vontade de realmente desistir. Mas ainda não tive coragem, portanto, mesmo não terminado em junho, vou seguir.

Não sei o que é pior, ficar com um mestrado inacabado no curriculo, ou sobrer mais alguns meses.

Sobre dietas, alimentações, barrigas e bundas, sinto dizer que, nem a bateria da minha balança eu troquei. Tenho comigo meu desespero. Acho que é mais difícil resistir ao desespero do que resistir as tentações.

Minha cabeça anda tão cheia. Mas mesmo assim, vou tentar maneirar nas bobagens.

Vou ficar ainda mais um tempo away. Pelo menos até colocar minha cabeça em ordem

Obrigada a todas pelas visitas =D

(Flori: meu "bom" humor não passa de figura de linguagem HAUHAUHAUAHAUAH)


10 comentários:

  1. Gô, oi! Também não fui uma Lady no quesito alimentação, mas me ajudou um bocado o formulário.

    Sobre o mestrado: eu passei por tudo isso que vc tem descrito aqui no blog nos últimos seis meses do meu mestrado. Mas, quer saber o que aconteceu depois: acabou! Uma hora acaba, a gente entrega a dissertação, defende e fica LIVRE!!! Por isso: NÃO DESISTA AGORA. Você já está quase lá e vai chegar. Ah, vai sim!!!!!

    Beijos e ÂNIMO!!!!

    Neblis

    ResponderExcluir
  2. Oi, Gô! Acabo de me reconhecer no seu post. No meu caso, tenho minha casinha pendente, estou pra me mudar, mas tenho mil coisinhas pra resolver ainda. E essa novela já tem uns bons seis meses entre entrega da casa, início de reforma e a finalização que está prestes a se concluir. Acho que após o stress da mudança eu consiga concentrar um pouco mais em dieta, balança, barriga e bunda, como vc disse, hehehehe. Adoro seus posts! Bjo e força aí que vc acaba a bagaça!!! Bjoooooooo!!! Cris

    ResponderExcluir
  3. tu no mestrado e eu no tcc... q novela.

    ResponderExcluir
  4. oi GÔ!!!
    Sei que já deve ter dito isso, mas vc faz mestrado em que? qual área e assunto???
    Ñão se desespere, quando passar vc vai colher as alegrias disso... beijocas!!!!

    ResponderExcluir
  5. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    conotaviva ou denotativa?
    se cuida mulher pra nao pirar da batatinha!

    Beijos

    Flori

    ResponderExcluir
  6. Descobri duas coisas boas no seu post!! Que você não vai desistir e que comemoramos aniversário no mesmo dia!!
    Então PARABÉNS PRA NÓS!!! Tá chegando do dia!!hehehehe
    Olha.. as vezes é realmente difícil continuar! tem sempre alguém nos lembrando que estamos de dieta... e isso é mto prejudicial! Queremos apenas seguir lights e viver normalmente!
    Siga firma... não olhe para trás! Apenas lembre-se do que já passou!
    Beijos e boa semana!

    ResponderExcluir
  7. Olá, tenho vindo algumas vezes no seu blog e adoro seus textos... Olha, mestrado é a coisa mais estúpida que existe... Mas infelizmente preciso terminar o meu pra segurar meu emprego... rsrsrs
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  8. Nossa eu até posso sentir o q todos a sua volta sentem. Não vejo a hora do meu bem terminar a faculdade. Talvez não seja como seu mestrado mas tenho certeza que ele está estressado como vc.
    Fica bem miga.
    Tudo que vc está plantando hoje, colhera amanhã. Vai poder desfrutar de tudo. E não desiste não.
    Bjão e muita força pra vc.
    Aline
    http://mechamedemagrela.zip.net

    ResponderExcluir
  9. Menina, fui ler o post anterior e mesmo sabendo que é uma situação tensa não consegui deixar de rir... Mas eu tenho certeza que quem chegoou até aqui vai concluir logo esse mestrado... bjinhos e desculpa o sumiço...

    ResponderExcluir
  10. Óia meu bem... Por aqui dona balança está funcionando perfeitamente, mas depois de DUAS injeções de coricóide puro (uma não funcionou pro objetivo, mas a outra sim), não quero nem ver a balança pra não me atirar de um pé de rúcula.

    Entendo tua frustração. Eu andava assim com a minha faculdade, e olha que graduação é muuuito mais moleza que mestrado, rs...


    FIca bem tá, torço por ti meu bem.

    Qualquer coisa, grita. Sabe onde me achar.


    Bjo!


    FUIZ...

    ResponderExcluir