ser humano - bicho racional

Eu descobri que o ser humano não é um bicho racional. É um bicho emocional que sabe fazer contas!

Estou apaixonada loucamente por um apartamentinho que fica fora da rota do busão. E todo mundo está careca de saber que minha dependência de busão é punjente! (ehehehe)

Então, estou na dúvida se uso meu rico dinheirinho pra pagar a entrada, deixo o financiamento nas costas do lindinho e suponho que nossa relação é forte impávida e colossa! Capaz de resistir as crises de governos e das minhas TPMs.

Se sucumbo ao bairro "bom" mas que me pareceu meio sujo, e longe. E que todo mundo diz que vai valorizar porque a cidade está crescendo pra aquelas bandas. (e eu acho que sim mesmo).

Se me preocupo ou não que no outro quarteirão tem o tiro de guerra, e lá eles devem soltar tiros de fusil.

Se me preocupo que atrás do prédio tem uma antena de celular (capaz de fritar cérebros?)

Se me preocupo com o fato de que o Lindinho vai ter que me levar na rodoviária DIARIAMENTE, ou eu terei que ir trabalhar de carro. (tá é 10 minutos de carro até a rodô, mas e daí?)

Tem mercado, padaria, farmácia perto. Até um estádio de futebol de um time da última divisão =/

Mas, porque eu gostei tanto do apartamento a ponto de ficar louca e desvairada?

Ele tem a cozinha mais linda que já vi! É uma cozinha de verdade, e não aquelas minhocas MRV-like. E tem área de servićo! De verdade! Que cabe varal e armário! (E armário)

E tem uma suuuuuuuper sacadona! Dois quartos espaçosos. Banheiro bom. Sala. Até um hallzinho, ótimo pra colocar um espelho e um aparador (e em baixo deste, meu ateliê)

O apartamento de 63 metros quadrados que poderia ter sido desenhado por mim, de tanto que eu adorei! Garagem coberta e grandinha (coisa rara ultimamente nos empreendimentos imobiliários, assim como a existência de AS e de cozinha digna! (digna dos meus cookies)

E fica pronto dezembro do ano que vem! Não é perfeito?

Taxa de juros de 5% ao ano. Subsídio do governo na minha casa minha vida.

Só tem uma coisa que me deixa louca. Não sei o que fazer!? Ser ou não ser? Heis a questão

=(

Comentários

  1. Afff... Estou no mesmo dilema. Estou morando de aluguel num apartamento que adoro. Só que não tem vaga de garagem. Tem um pra vender no sexto andar do mesmo prédio, com garagem, mas caro. Agora não sei se invisto todo o meu rico dinheirinho economizado em 10 anos de trabalho árduo ou se continuo procurando um mais dentro do orçamento.
    É a vida!

    ResponderExcluir
  2. Oi, tempão hein?!
    Este foi um ano mto difícil, mas deixemos assuntos tristes para depois.
    Passei por todas essas dúvidas e hj temos um APêziho de 66m quadrados.Pesquise bem antes de assumir o financiamento: outras opções, bairros, preços, opções direto com a construtora, qualidade da obra,prazos etc e depois opte pelo que mostrar mais pontos positivos. Nós não tivemos sorte na 1ª tentativa, a construtora tava mal e para receber o dindim de volta deu trabalho! Nosso financiamento foi direto com a construtora, mas temos vizinhos contentes com o financ. com a CEF. Se precisar de ajuda a gente pode conversar pelo email ou msn. Boa sorte nas decisões! E o casório...? Bjins
    Kika

    ResponderExcluir
  3. A minha opinião é de que você vai passar muito tempo no lugar que escolher, não vai ser apenas uma casa, um teto, mas seu refúgio, seu canto, seu lar...então, escolha o que mais te faz feliz. Se a energia do lugar bateu com a sua, esse é o seu aconchego.

    ResponderExcluir
  4. A Gô tá pensando em juntar os trapos? Bah, dou a maior força! Se tu amou de verdade, te agarra mulher!

    ResponderExcluir
  5. Oh dúvida cruel, mas as coisas que vc falou sobre a cozinha e a lavanderia é verdade tem que se levar em consideração. Como a outra amiga disse vc tem que se lembrar que ficará um bom tempo ou o resto da vida lá. Bjos.

    ResponderExcluir
  6. Uia, apartamento na planta é zicado porque a gente não olha a parede real e sim o modelo decorado (onde tudo é lindo e "decorado", né?). Quando entregam a chave é que a gente vai ver o tamanho real, vai ver que vem sem piso, sem box, sem aquecedor, sem armários, vê que a vista não é das melhores, vê que não bate sol.... e o quanto se gasta nisso tudo, fora parcelas intermediárias.

    Melhor é procurar um já pronto, onde você pode conferir tudo na real. E não vai gastar com armários. Eu fiz assim (comprei um pronto semi novo com menos de 1 ano, a pessoa arrumou emprego em outra cidade e tinha que se mudar), já peguei tudo pronto, não aturei marceneiro, o prédio fica a meia horinha do meu trabalho. E o financiamento dá pra ir amortizando a cada 3 anos com o FGTS e economias. Acredito que dê pra pagar na metade do tempo dos 360 meses. Boa sorte procêis!!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Queimadura de limão

Doce de goiaba caseiro

Lava-Louça Enxuta Automática