Quinta com cara de sexta

Amém que amanhã é feriado aqui no estado mais lindo do brasil-il-il (porque é onde eu vivo e é feriado! de que me adianta um feriado onde eu não vivo?)
 
Desde segunda eu estou usando minhas noites na confeçcão dos noivinhos para o topo de bolo. Vou fazer um parzinho em feltro, seguindo um molde que surrupiei da internetz.
 
Estou analisando a possibilidade de usar alguma renda ou cetim para o vestido da noivinha. Até agora só tenho o sapato, que está branco e fechado, mas eu não conseguiria fazer uma sandalia de tirinhas rosa, de qualquer forma! Será branco.
 
Sabe, essas dúvidas terríveis e cruciais do nível "achar a cor certa de sapato, decidir se uso renda ou não na noivinha, escolher o número de lembrancinhas" são dúvidas tão maravilhosas porque não carregam nenhuma responsabilidade! Afinal, na hora do vamos ver, não há da que absolutamente conte! Acredito muito no acaso e acredito muito na "felicidade interior".
 
Mas, não posso deixar de ficar muito feliz com essa futilidade! Está sendo umas férias (agora que a questão da festa está ajeitada, e não há mais estresse*)
 
Mas hoje, apesar de tudo, vou sentar e relaxar de outra forma. Vou produzir mais um tiquinho de mestrado (agora, estou levando o mestrado homeopaticamente)
 
Ah! Mas o mais legal é que, mesmo sendo feriado, o comercio vai abrir!
 
Vejam o tamanho da felicidade em meu coraçãozinho
 
<3
 
=D
 
* inclusive, minha mãe já veio falar diversas vezes que ficou muito feliz por eu ter aceitado a festa.
 
 

Comentários